haksbillQue paradoxo do tempo sairia dessa situação?

         Em meados do século 21, o rígido governa da Terra usava as viagens no tempo para mandar prisioneiros políticos mais perigosos, para a prisão Hawksbill, localizada no espaço-tempo da Era Cambriana, há bilhões de anos atrás.

Não nada na Terra, além de rochas – nem plantas ou animais (somente no mar). A tecnologia da época só permitia que se viajasse para o passado – portanto os prisioneiros lá ficavam, em prisão perpétua. Quase todos os 140 enlouquecem – sem esperança e sem mulheres.

As mulheres prisioneiras políticas eram enviadas para outra era na pré-história da Terra: o período Siluriano, com plantas e insetos rudimentares.

O líder da prisão, Barrett, de 60 anos, é o prisioneiro vivo mais antigo por lá (cerca de 20 anos) – e recentemente sofreu um acidente que o deixou aleijado.

Quando chega um prisioneiro muito suspeito, Lew Hahn, questões são levantadas sobre seus crimes e os outros presos decidem descobrir seus segredos, que podem, inclusive, mudar a vida de todos.

O livro foi publicado, pela primeira vez, em 1968 e possui algumas cenas antológicas, como quando Barrett observa um trilobita sair do mar, e se pergunta se este poderia ser o ancestral de todos os futuros animais terrestres… e pensa no que aconteceria se ele pisasse no invertebrado e o matasse. Quem sabe, seria o fim de toda a vida animal no futuro da Terra – que paradoxo do tempo sairia dessa situação?

Eu gostaria muito de ler uma seqüência deste livro, baseado nas aventuras das mulheres. Que tal?

Outras resenhas de livros de Robert Silverberg, no blog: https://scifinowlilimachado.wordpress.com/category/robert-silverberg/

 

Anúncios

Sobre Lili Machado

Lilia Cristina Machado é carioca, aquariana, leitora voraz, estudante do conhecimento humano, especialmente dos ramos do imaginário, formada em Inglês por Cambridge, graduada em História, pós-graduada em Arte e Cultura, atualmente cursando Turismo.

Deixe seu comentario!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s